quarta-feira, 31 de outubro de 2012

No dia 31 de outubro comemora-se a Reforma Luterana. Nesta mesma data em 1517, Martinho Lutero pregou às portas da Igreja da cidade de Wittenberg, na Alemanha, as 95 teses que marcam o início do movimento do qual nasceu a Igreja Luterana.
Mas não são somente pelas teses de Lutero que a Reforma é lembrada. Isto se deve porque o movimento da Reforma restabeleceu o conceito bíblico sobre as três colunas básicas do cristianismo, que são: As escrituras ( Bíblia Sagrada), a graça e a fé.
Cremos que é pela Bíblia que o próprio Deus nos diz quem ele é, quem somos nós, e tudo quanto ele nos oferece. Por isso reconhecemos a Bíblia como única e suficiente norma de fé e conduta cristã.
Cremos que Deus oferece, através de Cristo, o perdão dos pecados e a salvação eterna, sem exigir de nós qualquer pagamento, porquanto Cristo, mediante a sua vida santa e o seu sacrifício, pagou o preço de nossas almas. Deus oferece de graça, tanto o perdão total dos nossos pecados, como a salvação eterna a todos os que crêem.
A respeito da fé, cremos ser ela a certeza de que tudo quanto a Bíblia diz sobre nós e sobre Deus é verdade. A fé, pois, aceita a graça de Deus, confia no perdão e espera a salvação. A fé é um dom de Deus.

                             Torre da igreja do Castelo de Wittenberg - Com a inscrição no topo

Neste dia da Reforma Protestante, nós como herdeiros dela, somos chamados a dar continuidade ao que Deus iniciou no século XVI e deixar que Ele continue intervindo e sendo o Senhor da história. Anunciemos de todo coração o grande amor de Deus e não nos deixemos “vender” por falsos modismos, mas alicerçados na âncora que é Cristo
, contemporanizamos a história da salvação. Abençoado dia da Reforma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário